O ex-tenista alemão Michael Stich está promovendo, com sua fundação, uma campanha publicitária de prevenção à contaminação de crianças pelo vírus da aids. A nova propaganda está causando polêmica por suas fotos que simulam sexo oral.

Uma das imagens mostra uma mulher de joelhos fazendo sexo oral em um homem. Só que, no lugar do pênis, há um revólver. O slogan diz: “Sexo oral: apenas 0,003 milímetros de látex dividem a vida e a morte”.

O objetivo da campanha é aumentar o interesse público sobre a transmissão da aids na Alemanha. A organização de Stich dá assistência a crianças que foram infectadas com o vírus HIV.

Cada uma das sete imagens da campanha, criada pela agência de publicidade alemã Jung von Matt, faz um alerta sobre os perigos do vírus. Uma delas mostra o retrato de um bebê com a frase: “queixo do vovô, olho do papai, HIV da mamãe”. Outra foto mostra os seios de uma mulher e a frase explicando que o vírus também pode ser transmitido pelo leite materno.

Alguns alemães criticaram a campanha, afirmando que as fotos eram sexistas e mostravam uma imagem negativa das mulheres.

Alessandro Temperini

Diretor de Criação, Blogueiro e Comerciante Virtual.

More Posts

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle Plus

 

  • Otavio Pereira

    Incrivel esse tipo de propaganda, se você nao gosta das imagens é porque você nao faz isso, entao nao serve para você essa propagandas, mas já que é algo que costuma-se fazer, as imagens são apenas alguns pedaços da sua realidade. São muito bem feitas e transmite a informação que se quer passar, esse é o objetivo.

  • laura

    pq nao poe um homem lambendo, chupando e beijando a 3$#%* de uma mulher?? homem tem q dar prazer à sua deusa!!..